Furnas do Enxofre - Vulcanismo secundário - Fumarolas

Quer Comentar?
Terceira Island - volcano

As Furnas do Enxofre situam-se entre os 583m e os 620m de altitude e são classificadas como Monumento Natural Regional. Trata-se de uma área de 64.746 metros quadrados, onde se observam fumarolas vulcânicas e onde se encontram espécies, habitats e ecossistemas protegidos, cuja presença e distribuição são condicionadas pelas condições físico-químicas existentes. 
Integra o sítio Ramsar – Planalto Central da Terceira.



Correspondem a um fenómeno de vulcanismo secundário designado por fumarolas, consistindo na libertação de gases para a superfície através de um sistema de fissuras, em torno das quais se formam alguns depósitos de enxofre.
Estas saídas de gases vulcânicos agressivos apresentam diversas temperaturas, algumas bastante elevadas (cerca de 95º C à superfície e cerca de 130º C a meio metro de profundidade).
As suas características únicas tornam as Furnas do Enxofre num dos espaços naturais privilegiados da região, com forte potencial de atracção de visitantes, justificando-se, por isso, a sua protecção e salvaguarda como área protegida (em Decreto Legislativo Regional n.º 10/2004/A).


Terceira Island - volcano



As Furnas do Enxofre são efectivamente umas das mais interessantes manifestações vulcanológicas do arquipélago açoriano, com fenómenos únicos como, por exemplo, a formação de cristais de enxofre.
É rara a formação de cristais a partir de um gás ou de uma mistura gasosa.  O sulfureto de hidrogénio (gasoso), H2S, reage com dióxido de enxofre, SO2 (também gasoso), e origina enxofre elementar e água. Por outro lado, os átomos dos elementos dissociados agrupam-se lentamente quando se dá o arrefecimento das fumarolas e vapores carregados de enxofre, até se formar um sólido com uma estrutura cristalina bem definida. 


 
    
A forma pura de enxofre pode ser observada nas fumarolas das Furnas do Enxofre e o cheiro mais ou menos intenso, aí detectado, provêm de compostos contendo enxofre.
 As temperaturas do campo fumarólico das Furnas do Enxofre são bastante elevadas, variando de 95ºC à superfície a cerca de 130ºC a meio metro de profundidade.(...)

Fontes: 1 - http://www.cm-ah.pt/angrosfera/icones-angra/furnas-enxofre/apresentacao.html
2 - http://parquesnaturais.azores.gov.pt/pt/terceira/o-que-visitar/areas-protegidas/monumento-natural/furnas-do-enxofre

Para ampliar clique aqui
 Para ampliar clique aqui



Vulcanismo Fissural

"(...)A actividade vulcânica classifica-se, em função do tipo de conduta emissora, em centrada ou fissural. A actividade centrada dá-se a partir de condutas genericamente tubulares, gerando edifícios vulcânicos cónicos de maiores ou menores dimensões, enquanto que na actividade fissural a lava é emitida a partir de fissuras eruptivas mais ou menos extensas.(...)"

Desgaseificação

"(...) A desgaseificação pode ser evidente se for de forma centrada ou focalizada como nas fumarolas, nascentes termais, geisers ou pluma vulcânica duma erupção. Sinal de condutas profundas. Quando há vapor de água vê-se o "fumo" - fumarola; se houver sulfureto de hidrogénio (H2S), surge o cheiro a ovos podres(...)". (texto retirado de http://geocrusoe.blogspot.com/search/label/Vulcanismo)

1 comentários:

Anónimo disse...

Bem louco
Onde esta a origem veiu?